Terça, 05 de março de 2024.
Busca Rápida (somente por palavras-chave)
    
Dissertação
Título Inoculação de sementes de feijão-caupi (Vigna unguiculata) com diferentes estirpes de rizóbio em sistema agroecológico
Autor Fernandes, Fernande Antunes
Unidade Pós-Graduação em Genética e Melhoramento
Área de Concentração Genética e Melhoramento
Orientador Prof. Dr. Carlos Alberto de Bastos Andrade
Co-Orientador(es) Profª Drª Adriana Gonela
Profª Drª Kátia Regina Freitas Schwan Estrada
Banca Examinadora Prof. Dr. Carlos Alberto de Bastos Andrade
Drª Diva de Souza Andrade
Prof. Dr. Ednaldo Michellon
Profª Drª Kátia Regina Freitas Schwan Estrada
Data de Defesa 19/04/2012
Resumo Os experimentos foram conduzidos na Fazenda Experimental de Iguatemi (FEI) da Universidade Estadual de Maringá (UEM), na área certificada como orgânica, pertencente ao Grupo de Agroecologia de Maringá (GAAMA). O Objetivo deste trabalho foi estudar o desenvolvimento das cultivares de Vigna unguiculata, quando inoculadas com diferentes estirpes de rizóbio, em sistema agroecológico. As cultivares utilizadas foram a Gurgueia (BR17) e a Produtor. Os tratamentos consistiram da inoculação de sementes com as estirpes de rizóbio UFLA 03-164, BR 3267, BR 3302 (UFLA 03-84), INPA 03-11b (BR3301) e UFLA 03-154 e três testemunhas, com adubação nitrogenada (20 kg ha-1 de N); sem adubação nitrogenada e sem inoculação; e sem adubação nitrogenada e sem rizóbio, mas com turfa. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com quatro repetições. Não houve diferenças significativas entre nenhum dos tratamentos da cultivar Produtor. Na cultivar Gurgueia (BR17), apenas não houve diferenças significativas na variável média da massa seca de um nódulo. Ao analisar a cultivar Gurgueia, as duas testemunhas sem adubação nitrogenada apresentaram desempenho similar ao da testemunha com adubação nitrogenada. A estirpe BR 3267, inoculada na cultivar Gurgueia, destacou-se negativamente na produtividade, pois apresentou diferença significativa quando comparada à testemunha sem nitrogênio e sem turfa.
Palavras-chave Vigna unguiculata; feijão de corda; Bradyrhizobium
Title
Abstract This experiment was conducted to observe the behavior of two varieties of Vigna unguiculata when inoculated with rhizobia in an agroecological system conducted in Fazenda Experimental de Iguatemi (FEI) of Universidade Estadual de Maringá (UEM), in the area certified as organic, belonging to Grupo de Agroecologia de Maringá (GAAMA). The cultivars used were Gurgueia (BR17) and a Producer cultivar. The treatments consisted of the strains UFLA 03-164, BR 3267, BR 3302 (UFLA 03-84), INPA 03-11b (BR3301) and UFLA 03-154, and three controls: one with N fertilization (20 kg ha-1 N), without nitrogen and without inoculation, without nitrogen and without rhizobia, but with peat. The experimental delineation was randomized block with four repetitions. There were no significant differences between any treatment of the Producer variety. In Gurgueia cultivar (BR17) did not differ only in nodule of 1 weight. When analyzing the Gurgueia cultivar the two controls without nitrogen fertilization presents a similar performance of the controls with nitrogen and that the other treatments. The BR 3267 strain, in the inoculated Gurgueia cultivar stood out negatively on productivity, because it showed a significant difference when compared to the control without nitrogen and without peat.
Key-words Vigna unguiculata; inoculation; rhizobia
Arquivos
Nome Tamanho
0,00 KB

TESES E DISSERTAÇÕES - Universidade Estadual de Maringá
Desenvolvimento: VIASITE INTERNET