Terça, 28 de maio de 2024.
Busca Rápida (somente por palavras-chave)
    
Dissertação
Título Avaliação de linhagens de feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) para tolerância ao déficit hídrico
Autor Gratão, André Siqueira
Unidade Pós-Graduação em Genética e Melhoramento
Área de Concentração Genética e Melhoramento
Orientador Maria Celeste Gonçalves Vidigal
Co-Orientador(es) Pedro Soares Vidigal Filho
Giseli Valentini
Banca Examinadora Giseli Valentini
Vanusa da Silva Ramos Martins
Doutor Lucas Silvério
Data de Defesa 05/12/2016
Resumo O cultivo do feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) é de grande importância para a alimentação humana, fazendo parte da dieta da população brasileira diariamente, devido ao seu alto valor nutritivo. No Brasil, a produção do feijão comum pode ocorrer durante todo o ano, dependendo da região e da tecnologia empregada, por esse motivo, o país destaca-se como sendo um dos maiores produtores mundiais desta leguminosa. No entanto, as produtividades alcançadas são relativamente baixas, devido a fatores bióticos e abióticos que interferem na produção do feijão, sendo o déficit hídrico um dos fatores que mais afetam a produtividade. Deste modo, este trabalho teve como objetivo estudar o comportamento de linhagensde feijão comum oriundas do cruzamento entre IAPAR 81 (alta tolerância)× LP 97-28 (baixa tolerância) quanto à tolerância ao déficit hídricopor meio de características de interesse agronômico e fisiológico. Neste estudo foram avaliadas 32 linhagensgeração F2:6 do cruzamento IAPAR 81 × LP 97-28, obtidas pelo método descendente de uma única semente (SSD) e as testemunhas IAPAR 81, LP97-28, Flor Diniz, Juriti, Tangará e Bat 93, totalizando em 38 genótipos. Dois experimentos foram conduzidos em condição de campo: com estresse (CE) e sem estresse hídrico (SE), sendo cada experimento conduzido em um delineamento experimental de blocos casualizados com três repetições. No experimento onde foi submetido a condições de déficit hídrico, foi realizada a supressão hídrica durante 14 dias entre a fase reprodutiva R5 a R7, enquanto no experimento sem estresse, a suplementação com água foi realizada normalmente. Foram avaliados caracteres de interesse agronômicos durante o ciclo normal do feijão comum e caracteres fisiológicos após dez dias de déficit hídrico. Os resultados obtidos para número de sementes por vagens, número de vagens por planta, massa média de 100 sementes e produtividade, condutância estomática, concentração interna de CO2, taxa de transpiração foliar e taxa fotossintética permitiram identificaras linhagens 22, 27, 29 e 102 como as mais promissoras, que se comportaram tolerantes ao déficit hídrico e apresentaram alta produtividade. Houve redução na maioria das características avaliadas quando as linhagens foram submetidas ao déficit hídrico por 14 dias durante a fase reprodutiva R5 a R7. De acordo com a análise de correlação, a abertura e fechamento dos estômatos está altamente correlacionada com a produtividade e é uma característica importante para determinar a tolerância de uma cultivar sob déficit hídrico, sendo que as cultivares mais produtivas apresentaram melhor controle na abertura e fechamento dos estômatos.


Palavras-chave Caracteres fisiológicos, Caracteres de interesse agronômico, Estresse abiótico, Tolerância a seca
Title
Abstract The common bean (Phaseolus vulgaris L.) is of great importance for human consumption, as part of the daily diet of the population, because of its high nutritious character. The production may occur throughout the year depending on the region and which one technology is used, so making Brazil as one of the main world producers. However, the achieved yields are relatively low due to biotic and abiotic factors; drought is one of the factors that affect productivity. The objective of this study was to evaluate the performance of common bean lines derived from the cross between IAPAR 81 (high tolerance) × LP 97-28 (low tolerance) in relation to tolerance to water deficit although agronomic and physiological characteristics. In this study, a total of 32 F2:6 lines from IAPAR 81 × LP 97-28, obtained by the single seed descending (SSD) method and the controls IAPAR 81, LP97-28, Flor Diniz, Juriti, Tangará and Bat 93, were evaluated. Two experiments were conducted under field conditions: with water stress (CE) and no water stress (SE), each experiment was conducted in a randomized complete block design with three replicates. In the experiment where the water deficit conditions were applied, the water supply was stopped during 14 days between the reproductive stages R5 and R7, whereas the experiment without stress, wather supplementation was performed. Characteristics of agronomic interest were evaluated during the normal cycle of common bean and physiological characters were measured after ten days of water deficit. The results obtained for the traits: number of seeds per pod, number of pods per plant, average mass of 100 seeds, yield, stomatal conductance, CO2 concentration, leaf transpiration rate and photosynthetic rate allowed the identification of lines 22, 27, 29 and 102 as the most tolerant to the water deficit, because they presented high productivity even when submitted to drought stress. There was a reduction in most of the characteristics evaluated when the lines were submitted to a water deficit condition for 14 days during a reproductive phase R5 to R7. According to a correlation analysis, the mechanism of the stomata in open and close is highly correlated with the production in common bean and it is an important characteristic for the determination of a tolerance of a cultivar under a water deficit, wherein cultivars with improved control in the opening and closure the stomata present high production under water deficit.

Key-words Physiological characters, Characteristics of agronomic interest, Abiotic stress, Tolerance to drought.
Arquivos
Nome Tamanho
0,00 KB

TESES E DISSERTAÇÕES - Universidade Estadual de Maringá
Desenvolvimento: VIASITE INTERNET