Terça, 31 de janeiro de 2023.
Busca Rápida (somente por palavras-chave)
    
Tese
Título Estudos citogenéticos em duas espécies de Hypostomus (Loricariidae, Hypostominae) da bacia do rio Paraguai: considerações citotaxonômicas e evo-lutivas
Autor Brito Ferreira, Greicy Ellen de
Unidade Pós-Graduação em Genética e Melhoramento
Área de Concentração Genética e Melhoramento
Orientador Isabel Cristina Martins dos Santos
Co-Orientador(es) Claudio Henrique Zawadzki, Daniel Pacheco Bruschi e Fernanda Errero Porto Sapa-rolli, da Universidade Estadual de Maringá, e pelo professor doutor Roberto Ferreira Artoni
Banca Examinadora Claudio Henrique Zawadzki
Daniel Pacheco Bruschi
Fernanda Errero Porto Sapa-rolli
Roberto Ferreira Artoni
Data de Defesa 12/02/2016
Resumo A família Loricariidae constitui uma das maiores famílias da ordem dos Siluriformes e assume grande importância, devido alto número de espécies presentes na região neotropical. Na família Loricariidae, encontra-se a subfamília Hypostominae, considerada a mais diversa dentro da família, tanto nas análises morfológicas quanto em relação ao número diplóide, regiões organizadoras nucleolares (Ag-NORs) e distribuição de heterocromatina constitutiva. Dentro de Hypostominae, encontram-se as espécies analisadas no presente estudo: H. regani e Hypostomus sp. Análises citogenéticas foram realizadas utilizando as técnicas de impregnação por nitrato de prata (Ag-NORs) e de detecção das regiões de heterocromatina constitutiva (banda C) e coloração por fluorocromo base específicos. A análise citogenética molecular ocorreu pela hibridização fluorescente in situ (FISH 18S e 5S) e ainda foi utilizada a técnica de microdissecção cromossômica para obtenção de uma sonda Hrv. A análise morfológica foi realizada e demonstrada através das variáveis canônicas. H. regani apresentou uma fórmula cariotípica de 12m+14sm+18st+28a e outra 13m+14sm+17st+28a (Cariomorfo A e B respectivamente) e um número diplóide de 2n=72 cromossomos e NF=128, sem diferenças entre os sexos. As regiões dos genes 5S foram múltiplas, localizadas nas regiões intersticiais de um par cromossômico metacêntrico e na região terminal de um par de cromossômico acrocêntrico. A distribuição da heterocromatina constitutiva foi verificada preferencialmente em regiões intersticiais de alguns pares cromossômicos, destacando-se a heterocromatina localizada no braço curto de um cromossomo metacêntrico, o maior do complemento. A coloração com fluorocromos base específicos evidenciou dois tipos de constituição de heterocromatina, uma rica em AT e outra em GG. A microdissecção cromossômica do cromossomo metacêntrico em H. regani revelou duas marcações em indivíduos com o cariomorfo A e B, sendo o B os indivíduos com o cromossomo metacêntrico grande. O resultado das variáveis canônicas entre os indivíduos do cariomorfo A e B não foi significativo, indicando que estes pertencem à mesma espécie. Hypostomus sp. apresentou um valor de número diplóide de 2n=72 cromossomos e fórmula cariotípica de 12m+14sm+14st+32a e NF=112. Observou-se, nessa espécie, padrão de NOR simples (Ag-NORs e FISH 18S). As regiões de heterocromatina constitutiva se distribuíram em regiões pericentromerica dos cromossomos. A coloração por fluorocromo base específicos revelou sinais brilhantes somente nas regiões GC ricas. Os estudos citogenéticos nas espécies analisadas são de grande valia aos estudos citotaxônomicos para as espécies do gênero Hypostomus, principalmente para a região do pantanal mato-grossense, onde os estudos citogenéticos ainda são escassos quando comparados à grande diversidade da ictiofauna desse bioma.


Palavras-chave Citogenética; Hypostomus; pantanal mato-grossense; amplificação de heterocromatina.
Title
Abstract The family Loricariidae is one of the largest families in the order Siluriformes, with enormous importance due to its great number of species in neotropical region. Family Loricariidaecompresses the subfamily Hypostominae, which is considered to be the most diverse in the family by morphological analysis, related to diploid number, nucleolar organizer regions (Ag-NORs) and constitutive heterochromatin distribution. Within Hypostominae, there are species analyzed in the present study: H. regani and Hypostomus sp. Cytogenetic analyses were performed using silver nitrate impregnation and detection of heterochromatic regions (C-banding) and base-specific fluorochrome staining. The molecular analyses were carried out through fluorescent in situ hybridization (FISH 18S and 5S) and chromosomal microdissection. Morphological analysis was performed and demonstrated by canonical variate. H. regain presented karyotype formula of 12m+14sm+18st+28a and 13m+14sm+17st+28a (karyomorphs A and B, respectively) and diploid number of 2n=72 chromosomes and FN=128, without any differences between sexes. The regions of 5S genes were multiples, located in interstitial regions of a metacentric pair of chromosomes and terminal of an acrocentric pair. The constitutive heterochromatin distribution was preferentially observed in interstitial regions of some pairs ofchromosomes, besides outstanding heterochromatin located on short arm of one metacentric chromosome, the largest of the complement. Base-specific fluorochrome staining showed two types of heterochromatins, one AT-rich and another GC-rich. Chromosomal microdissection revealed two marks in specimens with karyomorph A and B, being karyomorph B those specimens with the large metacentric chromosome. The results from canonical variatebetween specimens of karyomorph A and B were not significant, indicating that they belong to the same species. Hyposotmus sp. presented diploid number of 2n=72 chromosomes, karyotype formula of 12m+14sm+14st+32a and FN=112. In this species it was observed simple NORs pattern (Ag-NORs and 18S FISH). Constitutive heterochromatin is distributed in pericentromeric regions of the chromosomes, being very scarce in this species. Base-specific fluorochrome staining revealed bright signals only in GC-rich regions. Cytogenetic studies in the analyzed species are of great value to cytotaxonomic studies in species of the genus Hypostomus, especially for the region of Pantanalmato-grossense, where cytogenetic studies still are very deficient when compared to the great diversity of fish fauna in this biome
Key-words cytogenetic; Hypostomus; Pantanal mato-grossense; heterochromatin amplification
Arquivos Nenhum arquivo encontrado!

TESES E DISSERTAÇÕES - Universidade Estadual de Maringá
Desenvolvimento: VIASITE INTERNET