Sexta, 19 de agosto de 2022.
Busca Rápida (somente por palavras-chave)
    
Tese
Título Análise da diversidade cariotípica e nova ocorrência de cromossomos B em Moenkhausia (Characiformes: Characidae) da bacia do rio Paraná - PR
Autor Silva, Leandro Ranucci
Unidade Pós-Graduação em Genética e Melhoramento
Área de Concentração Genética e Melhoramento
Orientador Isabel Cristina Martins dos Santos
Co-Orientador(es) Ana Luiza de Brito Portela Castro.
Banca Examinadora Ana Luiza de Brito Portela Castro
Andréa Beatriz Diverio Mendes
Fernanda Errero Porto Saparolli,
Luciana Andreia Borin de Carvalho
Maria de Fátima Pires da Silva Machado
Roberto Ferreira Artoni
Data de Defesa 29/03/2019
Resumo Moenkhausia constitui um interessante grupo para estudos genéticos devido à sua complexidade taxonômica, diversidade cariotípica e presença de cromossomos B. Entretanto, é um grupo pouco estudado citogeneticamente, portanto neste estudo objetivamos caracterizar e diferenciar Moenkhausia bonita e M. forestii, ambas provenientes do rio Paraná (PR), utilizando diferentes marcadores cromossômicos como mapeamento de sequências repetitivas (DNAr 18S e 5S, genes H3, elemento transponível Rex-3 e microssatélites pela técnica de FISH (Hibridização fluorescente in situ) e banda C. Microdissecção e pintura cromossômica foram também realizadas nos cromossomos B detectados nestas espécies. As espécies apresentaram 2n=50, sendo M. forestii com 10m + 28sm + 10st +2a e M. bonita com 14m + 24sm + 8st + 4a e, adicionalmente 1-2 cromossomos B eucromático. As sondas Bmf (B de M. forestii) e Bmb (B de M. bonita) resultantes da microdissecção dos cromossomos Bs hibridizaram de forma dispersa por todo o cariótipo das espécies, incluindo os respectivos cromossomos B. Cross FISH realizado com sondas Bmb em metáfases de M. forestii hibridizaram em regiões pericentroméricas heterocromáticas de alguns pares cromossômicos. Os sítios de DNAr 18S foram localizados no par 3 (posição terminal no braço curto) nas duas espécies e os sítios de DNAr 5S foram detectados na região pericentromérica do par 1 (metacêntrico) em M. forestii e nos braços curtos dos pares 9 (submetacêntrico) e 23 (subtelocêntrico) de M. bonita. Todos os microssatélites hibridizaram nos cromossomos das espécies de forma dispersa ou em clusters em alguns casos. Destacamos algumas marcações diferenciais entre as espécies como, sítios de H3 e microssatélites (CGC)10 co-localizados em blocos intersticiais de vários cromossomos em M. forestii e em posições subterminais e centroméricas nos cromossomos de M. bonita; repetições (GATA)8 hibridizadas na maioria dos cromossomos em posição subterminal em ambas extremidades de M. forestii e, somente nos pares 24 e 25, em toda a extensão dos braços curtos de M. bonita. O retrotransposon Rex 3 hibridizou de forma dispersa em todo o complemento cromossômico de M. bonita e em vários “clusters” nos cromossomos de M. forestii. Todos os marcadores hibridizaram nos cromossomos B das duas espécies, com exceção do microssatélite (GATA)8 e DNAr 18S e 5S. Estes dados contribuíram para um maior conhecimento da estrutura e organização dos genomas das espécies permitindo diferenciá-las ao nível citomolecular, bem como suas implicações na origem e composição dos cromossomos B destas espécies.

Palavras-chave evolução cromossômica, sequencias repetitivas, pintura cromossômica
Title
Abstract Moenkhausia is an interesting group for genetic studies due to its taxonomic complexity, karyotype diversity and the presence of B chromosomes. However, it is a group that has been little studied cytogenetically, so in this study we aimed to characterize and differentiate Moenkhausia bonita and M. forestii, both from Paraná River (PR), using different chromosomal markers such as repetitive sequence mapping with 18S and 5S rDNA probes, H3 genes, Rex-3 transposable element and microsatellite by FISH (Fluorescence Hybridization in situ) technique and the C-band. Microdissection and chromosome painting was also performed on the B chromosomes detected in these species. The species presented 2n = 50, being M. forestii with 10m + 28sm + 10st + 2a and M. bonita with 14m + 24sm + 8st + 4a and additionally 1-2, euchromatic B chromosomes. The probes Bmf (B of M. forestii) and Bmb (B of M. beautiful) resulting from the microdissection of the Bs chromosomes hybridized in a dispersed manner throughout the karyotype of the species, including the respective B chromosomes. Cross-FISH performed with Bmb probes on metaphases of M. forestii hybridized in heterochromatic pericentromeric regions of some chromosome pairs.The 18S rDNA sites were located in pair 3 (terminal position in the short arm) in both species and the 5S rDNA sites were detected in the pericentromeric region of pair 1 (metacentric) in M. forestii and in the short arms of pairs 9 (subtelocentric) of M. bonita. All microsatellites hybridized to the chromosomes of the species in a scattered manner or in clusters in some cases. We highlight some differential markers among species such as H3 and microsatellite sites (CGC) 10 co-located in interstitial blocks of several chromosomes in M. forestii and in subterminal and centromeric positions on the M. bonita chromosomes; (GATA) 8 hybridization in most of the chromosomes in subterminal position in both chromosomal ends of M. forestii and, only in pairs 24 and 25 throughout the extension of the short arms of M. bonita. The retrotransposon Rex 3 hybridized dispersed throughout the chromosomal complement of M. bonita and in several clusters in the chromosomes of M. forestii. All markers hybridized on the B chromosomes of both species, except for the microsatellite (GATA) 8 and 18S and 5S rDNA. These data contributed to a better knowledge of the structure and organization of the genomes of the species allowing to differentiate them at the citomolecular level, as well as their implications on the origin and composition of the B chromosomes of these species.

Key-words chromosome evolution, repetitive sequences, chromosome painting.
Arquivos
Nome Tamanho
1.808,69 KB

TESES E DISSERTAÇÕES - Universidade Estadual de Maringá
Desenvolvimento: VIASITE INTERNET