pgm

Português

English

Español
pgm

Quem Somos

Apresentação

O Programa de Pós-Graduação em Genética e Melhoramento (PGM), Área de Concentração em Genética e Melhoramento, do Departamento de Agronomia da Universidade Estadual de Maringá (UEM), é o único Programa em Genética e Melhoramento da Região Sul do Brasil.

Em nível de Mestrado, as atividades do PGM iniciaram-se em 25/07/2002, ocasião em que recebeu aprovação pela Capes (Conceito 4). Posteriormente, em 05/11/2004 foi aprovado e implementado o Curso de Doutorado. Deste então, passou a receber Conceito 5, a partir de sua primeira avaliação trienal (2004-2006).

 

Objetivos

O PGM tem como objetivo geral viabilizar a utilização de novas metodologias de avaliação em: Genética Quantitativa, Melhoramento Vegetal, Biotecnologia Aplicada ao Melhoramento Genético Vegetal, Genética Molecular e de Microorganismos, e Genética Animal.

Os objetivos específicos do PGM são: a) formar Pesquisadores / Administradores capazes de atender a demanda de profissionais da área da Genética e de Melhoramento; b) titular Docentes para atender a demanda dos Cursos de Agronomia, Genética, Genética e Melhoramento, e de Biologia, tanto do Brasil quanto de outros países, principalmente os países da área de abrangência do Mercosul, e os países do Continente Africano, e c) contribuir para o desenvolvimento de novas tecnologias que venham a incrementar o potencial produtivo e a capacidade competitiva da agropecuária paranaense e brasileira.

 

Escopo

Constituído por um corpo docente, dedicado e competente, o PGM vem mantendo o Conceito 5 da CAPES desde sua primeira avaliação trienal (2004-2006). É importante ressaltar, que em 16 anos (2002-2018), o PGM já titulou 203 Mestres e 91 Doutores.

Com Área de Concentração em Genética e Melhoramento, e duração de 24 meses para o nível de Mestrado e de 48 meses para o Doutorado, o PGM destina-se a recém graduados, pesquisadores, e a docentes graduados em Agronomia, Ciências Biológicas, Zootecnia, e áreas afins.

Em junho de 2018, o PGM conta com 21 alunos matriculados no Curso de Mestrado e 40 no Curso de Doutorado.

As linhas de pesquisa do Programa estão associadas à Genética Básica (Vegetal e Animal), à Genética Quantitativa e Melhoramento Vegetal e à Genética de Microorganismos, utilizando-se de técnicas clássicas e moleculares.

O Corpo Docente do PGM é constituído por 10 Docentes Permanentes que pertencem aos Departamentos de Agronomia e de Biotecnologia, Genética e Biologia Celular da UEM, além de 1 Docente vinculado ao Departamento de Agronomia da Universidade Estadual de Londrina. Todos os docentes são portadores de título de Doutor conferidos por Instituições de Excelência tanto nacionais quanto estrangeiras, e são contratados em Regime de Tempo Integral e Dedicação Exclusiva (TIDE). O PGM conta com a atuação de 3 docentes colaboradores vinculados à UEM, em regime TIDE.

O PGM é marcado, desde seu início, pela determinação de seus membros em atingir o perfil de excelência. Esta característica do Corpo Docente Permanente do PGM, que é altamente qualificado, é demonstrada pelo elevado percentual de seus membros (72,7%), que são Bolsistas de Produtividade em Pesquisa do CNPq, destacando-se 5 Bolsistas Produtividade Nível 1.

O PGM recebe auxílio financeiro, incluindo-se Bolsas de Estudo, da Capes, do CNPq, da Fundação Araucária, da Embrapa, da FINEP, entre outras empresas públicas, e também de empresas privadas.

Destaca-se, também, a integração do PGM com outros órgãos e instituições brasileiras de pesquisa e de desenvolvimento econômico. O PGM mantém intercâmbios nacionais com: a) Instituições Públicas de Pesquisa - Embrapa Soja, Embrapa Agroindústria Tropical, Embrapa Algodão, Embrapa Arroz e Feijão, Embrapa Gado de Corte, Embrapa Meio Norte, Embrapa Milho e Sorgo, Embrapa Pantanal, Embrapa Tabuleiros Costeiros, Embrapa Uva e Vinho, Epagri/SC, Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Iapar, e IAC - Campinas; b) Instituições Públicas de Ensino e Pesquisa - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (USP/ESALQ), Universidade Federal de Viçosa, Universidade Federal do Pará, Universidade Federal do Paraná, Universidade Federal do Piauí, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná, Universidade de São Paulo, Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro, Universidade Estadual de Londrina, Universidade Estadual de Mato Grosso, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Universidade Estadual de Santa Cruz, Universidade Estadual do Centro-Oeste, Universidade Estadual do Norte do Paraná, Universidade Estadual do Oeste do Paraná e Universidade Estadual do Paraná; c) Instituições Privadas - Coodetec, Syngenta, Grupo Dupont - Pionner Sementes, Monsanto do Brasil S.A., Faculdade Integrado de Campo Mourão e Universidade Paranaense.

Projetos de pesquisas vêm sendo conduzidos em colaboração com as instituições internacionais, tais como a Michigan State University (USA), University of California - Davis (USA), U.S. Department of Agriculture - USDA / ARS (USA), Iowa State University - Ames (USA), North Carolina State University - Raleigh (USA), Mississippi State University (USA), Washington State University - Pullman (USA), Universidade Autônoma de Barcelona (Espanha), Universidad Juárez Autónoma de Tabasco (UJAT - México), Louisiana State University (LSU - USA), Universidad de Talca (Chile), Instituto de Investigação Agrária de Moçambique - IIAM, Instituto Nacional de Tecnología Industrial (Argentina) e Consejo Nacional de Investigaciones Cientificas y Tecnicas - CONICET (Argentina).

Localização
;

Campus Universitário Av. Colombo, 5790


Bloco J45 • 1º Andar • Sala 101

; Telefones

Fone: (44) 3011-8984



Email: sec-pgm@uem.br